Uma das obras mais interessantes da história europeia é “Ascensão e queda das grandes potências” de Paul Kennedy.

 

Kennedy descreve a evolução política e económica e os conflitos militares entre 1500 e o final do século XX. A sua tese é que o poder e a força de um Estado dependem essencialmente de factores económicos.

Quanto mais bem sucedida for a economia de um país, mais dinheiro terá à sua disposição para armas e investigação, o que conduz directamente ao poder militar.

 

Isto funciona bem até que os impérios se estendam demasiado e minem a sua base económica, após o que as potências emergentes tentam ocupar o seu lugar.

Kennedy prova isso com numerosos exemplos como o “aperto de Habsburgos no poder, 1519 – 1659”, a luta recorrente entre a França e o Império Britânico ou a Primeira e Segunda Guerras Mundiais.

 

Um livro realmente recomendável para quem se interessa pela história e quer saber mais sobre os antecedentes da ascensão e queda das grandes potências.